Desportiva Ferroviária - O time do povo capixaba! Nossa Loja

Desportiva contrata conceituada empresa de assessoria visando a criação da SAF

Em sexta-feira, 10 fevereiro de 2023

A consultora financeira Meden será responsável por assessorar a vinda de investidores para a SAF grená

A Associação Desportiva Ferroviária anuncia que acaba de assinar contrato com a Meden, empresa de consultoria financeira, a qual será exclusivamente responsável para auxiliar o clube na transição à SAF, como modelo de gestão do futebol grená. Buscando se atualizar a modelos de sucesso, tanto no Brasil quanto ao mundo afora, a Desportiva buscou uma referência na área da consultoria para dar início ao processo mais importante da história do clube. Desta forma, a Locomotiva busca acelerar e trazer o sucesso dela de volta.

Diferente do que já ocorreu em outros cenários e momentos, dessa vez, a Desportiva assume todo o processo através de sua diretoria, usando todo o aprendizado, positivo e negativo dos últimos anos, para que o clube obtenha o sucesso que lhe é devido. À vista disso, e após um largo mapeamento e estudo de mercado, a consultora guiará a agremiação em busca do melhor caminho possível.

A Meden atuará para proteger financeiramente, juridicamente e desportivamente o futuro do Colosso de Jardim América.

QUEM É A MEDEN?

A Meden é uma consultoria boutique, constituída por uma equipe multidisciplinar com vasta experiência em seu mercado de atuação, sobretudo na área de avaliação de negócios, fusões e aquisições, recuperação judicial/falências e estratégia de negócios. Com foco no atendimento eficiente e personalizado, está no mercado há 6 anos, e foi fundada por executivos os quais tiveram passagem em outras consultorias de destaque. Com sede no Rio de Janeiro, também está presente com equipe em São Paulo, tendo clientes em todo território nacional e no exterior.

Os principais serviços oferecidos pela empresa são: Fusões e Aquisições (M&A e Captação de Recursos); Consultoria Econômico-Financeira, Contábil; Avaliação de Negócios; Recuperação Judicial e Falências; Estratégia e Modelagem de Negócios; Governança Corporativa; e Atendimento às Normais Contábeis, Fiscais e Societárias.

Altamente capacitada e experiente em transações semelhantes, tendo assessorado inúmeras empresas de diversos setores da economia, a Meden também auxiliou o Botafogo de Futebol e Regatas como avaliadora independente na criação da SAF do clube carioca.

O QUE É A SAF?

A Sociedade Anônima do Futebol é um modelo de gestão futebolístico caracterizado pela prática do esporte, tanto masculina quanto feminina. Apesar de possuir um enquadramento societário próximo ao de uma S/A, o formato da SAF foi elaborado com o intuito de dar mais flexibilidade para os clubes captarem investimentos, negociarem as dívidas e aprimorarem o modelo de gestão/governança.

Na temática da equalização das dívidas, diferentemente do que acontece com as Associações, a SAF pode optar por duas opções: utilização do regime centralizado de execuções, ou recuperação judicial/extrajudicial. No primeiro caso, a empresa apresenta um plano de pagamento da dívida, a qual será paga com apenas 20% da receita da SAF, deixando os demais valores de receita protegidos de eventual penhora. Adicionalmente, a empresa poderá alongar o pagamento das dívidas por até 10 anos.

COMO SE DÁ O PROCESSO

Para a criação da SAF, a mesma deverá estar prevista no Estatuto Social do clube em questão. Neste modelo, existem duas maneiras de dar seguimento ao processo: a própria Associação virar SAF (algo não recomendado) ou o registro de uma nova empresa na junta comercial da Associação.

Assim como aconteceu com os clubes brasileiros que aderiram este novo modelo, após a criação da SAF, a Associação parte para a busca de um investidor, seja ele financeiro e/ou estratégico, para ser seu sócio na nova empresa. Porém, neste caso, deve ser considerado se as partes estão alinhadas com o projeto desportivo (futebol profissional e de base), com o plano de investimentos em novos ativos e com o plano de pagamento da dívida. Adicionalmente, o montante a ser aportado na nova empresa, em troca de uma determinada participação em ações, o que também deverá ser analisado.

Sendo assim, após a criação da sociedade, o investidor aporta recursos na nova empresa. Já a associação fará seu aporte para aumento de capital mediante a integralização de bens e direitos. Outra forma de captação de recursos para SAF é a emissão de dívida via o instrumento debêntures-fut, porém, envolvendo pagamento do principal em um determinado prazo, adicionado de juros e correção monetária do valor captado.

DESPORTIVA & MEDEN

No processo de estruturação da SAF, com posterior captação de investimento, a Meden, enquanto assessora exclusiva, atuará em diversos tópicos. O trabalho visa profissionalizar o processo de captação de investidor, de forma a otimizá-lo para gerar mais valor à Desportiva. De forma resumida, a Meden atuará da seguinte forma:

  • Entendimento da realidade operacional, desportiva, contábil, patrimonial, jurídica e financeira do clube;
  • Definição da estratégia, a qual regerá a operação da SAF, a adequando para a realidade local. Tal estratégia englobará (i) o fomento e o desenvolvimento de atividades relacionadas a prática de futebol, obrigatoriamente nas suas modalidades feminino e masculino, (ii) a formação de atleta profissional de futebol, nas suas modalidades feminino e masculino; (iii) as fontes de geração de receitas, como as decorrentes da transação de direitos desportivos de atletas, patrocínios, programa sócio torcedor, cotas de tv, bilheteria, eventos, entre outros; e (iv) os investimentos necessários em infraestrutura, entre outros;
  • Apoio na definição da melhor estrutura financeira e societária para a transação pretendida com o investidor (diretrizes estratégicas);
  • Avaliação do valor econômico (valuation) da SAF a ser constituída e definição do montante do recurso a ser captado para suportar a estratégia previamente definida;
  • Preparação das informações a serem apresentadas para potenciais investidores;
  • Prospecção e análise dos potenciais investidores a serem abordados, com posterior abordagem;
  • Diligência sobre a capacidade de investimento e garantias do investidor;
  • Acompanhamento da diligência conduzida por assessores dos potenciais investidores;
  • Participação nas negociações;
  • Definição da melhor estrutura financeira para conclusão da transação; e
  • Acompanhamento da elaboração dos contratos finais.

Obs: a gestão deste processo poderá demorar até um ano para que o clube exerça a criação da SAF.

POR QUE A DESPORTIVA?

Para a Meden, além dos diversos motivos, os principais atrativos são:

  • Histórico desportivo do clube no mercado local e nacional;
  • Histórico como clube formador;
  • Tamanho da base de fãs e engajamento da torcida;
  • Clube proprietário do maior estádio privado do ES;
  • Diretoria e Conselho Deliberativo alinhados e comprometidos com um futuro glorioso para o clube;
  • Transparência da diretoria;
  • Localização privilegiada do ES. Fronteira com estados que são potências no futebol nacional;
  • Federação Estadual comprometida com a evolução dos clubes capixabas e com o fortalecimento das competições locais;
  • Aumento da competitividade do campeonato capixaba;
  • Nível de endividamento alto para os padrões atuais do clube, porém está controlado e possui alto grau de solvência; e
  • Ativo “SAF Desportiva” potencialmente oferece excelente upside para investidores.

ADESÃO AO MODELO SAF

De acordo com a expectativa do clube, as duas primeiras divisões nacionais serão formadas, predominantemente, por agremiações que aderiram ao modelo SAF com planejamento e profissionalismo. Dessa forma, com engajamento da torcida grená, ocasionando em investimentos na infraestrutura do clube e fortalecimento das categorias de base, a Desportiva poderá voltar ao seu lugar: a elite do futebol nacional. Além disso, a posse do Estádio Engenheiro Araripe, por parte da Associação, é considerada como crucial. A SAF teria direito de uso mediante a pagamento do aluguel.

PALAVRAS CHAVE

  • Debêntures: títulos representativos de dívida emitidos por empresas com o objetivo de captar recursos para diversas finalidades;
  • Merger and Aquisition (M&A) – tradução para fusões e aquisições. Uma fusão é um movimento estratégico caracterizado pela união de duas empresas formando uma outra organização, enquanto a aquisição ocorre quando uma empresa ou investidor compra participação em outra sociedade. Ambas são consideradas operações societárias;
  • RCE – Regime Centralizado de Execuções; e
  • SAF – Sociedade Anônima do Futebol.

Patrocinadores
Parceiros